SINOVITE TRANSITÓRIA DO JOELHO

SINOVITE TRANSITÓRIA DO JOELHO

A sinovite transitória do joelho é o processo inflamatório agudo e inespecífico que afeta o tecido sinovial da articulação. É um processo flogístico autolimitado e benigno que afeta mais comumente as crianças. Os sintomas podem durar até dois dias e desaparecem naturalmente. O grande problema da sinovite transitória do joelho é diferenciá-la da artrite séptica, que é um processo infeccioso agudo grave que pode destruir a articulação em pouco tempo.

SINOVITE TRANSITÓRIA

A sinóvia, também conhecida como membrana sinovial, é o tecido especializado que reveste internamente as paredes de uma articulação sinovial. Ela é responsável pela produção e absorção contínua do líquido sinovial, o líquido lubrificante natural das nossas articulações. O processo inflamatório da sinóvia é chamado de sinovite. Sinovite transitória é o processo inflamatório autolimitado da sinóvia.

ETIOLOGIA

A causa exata da sinovite transitória do joelho é desconhecida. Existem várias teorias na literatura médica, mas nenhuma delas foi conclusivamente fundamentada. Existem alguns fatores de risco que são comuns nos casos de sinovite transitória do joelho como infecção respiratória, infecção bacteriana, sinovite tóxica pós-estreptocócica e traumatismo recente. A hipersensibilidade a vacinas também é um fator de risco frequentemente relatado.

EPIDEMIOLOGIA

A sinovite transitória do joelho atinge mais frequentemente crianças com idades entre 3 e 10 anos. A idade média é de 4,7 anos. Embora mais comum em pacientes pediátricos, a sinovite transitória pode acometer os joelhos de crianças mais jovens e também de adultos.

SINOVITE TRANSITÓRIA JOELHO

SINTOMAS

O principal sintoma da sinovite transitória do joelho é a dor. O joelho dói ao ser palpado, movimentado e quando a criança anda. O joelho também costuma inchar um pouco. A dor no joelho faz com que a criança ande mancando. A maioria das crianças fica afebril no curso da sinovite transitória.

DIAGNÓSTICO

Exames de sangue e do líquido sinovial do joelho podem ser solicitados para descartar artrite séptica do joelho e outras patologias como, por exemplo, a artrite de Lyme. Exames de imagem como ecografia e ressonância magnética do joelho podem ajudar no diagnóstico da sinovite e também servem para descartar outras patologias e lesões.

DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL

Artrite séptica, osteomielite, lesões tumorais, artrite de Lyme e artrite reumatóide juvenil são os principais diagnósticos diferenciais.

TRATAMENTO

O tratamento da sinovite transitória do joelho, depois de descartadas outras patologias e/ou lesões, é sintomático. Repouso relativo e medicamentos anti-inflamatórios são prescritos para amenizar os sintomas, que costumam durar de um a dois dias.

ESPECIALISTA

Não é normal o joelho de uma criança doer e inchar, assim como também não é normal uma criança andar mancando. Um médico ortopedista especialista em joelho deverá sempre ser consultado quando uma criança apresentar esses sintomas.