LESÕES DO JOELHO NO JUDÔ

LESÕES DO JOELHO NO JUDÔ

O judô é um esporte bastante difundido no Brasil.  Estima-se que mais de 200.000 pessoas praticam o judô no país. É comum, nas pré-escolas, as crianças já terem contato com o judô.

OLIMPÍADAS

O judô brasileiro tem participado de Olimpíadas desde 1.972. A primeira medalha de ouro olímpica foi conquistada pelo judoca Aurélio Miguel nas Olimpíadas de Seul em 1.988.

ESPORTE DE CONTATO

O judô é um esporte de contato e, portanto, a incidência de lesões musculoesqueléticas é relativamente alta.

JOELHO

As lesões ligamentares são as lesões mais comuns nos judocas. O ligamento colateral medial ( LCM ) e o ligamento cruzado anterior ( LCA ) são os ligamentos mais machucados. As lesões variam desde pequenos estiramentos até o rompimento ligamentar completo, que exige cirurgia. Depois temos as lesões de menisco. Os movimentos torcionais do judô facilitam as lesões meniscais no joelho. Muitas dessas lesões precisam de cirurgia. Em terceiro lugar temos as luxações da patela. A luxação ocorre quando a patela sai do seu sulco no fêmur. Na maioria das vezes ela volta para o lugar sozinha, mas em alguns casos é necessário intervenção médica. Luxações frequentes da patela precisam ser tratadas cirurgicamente para reconstrução do complexo cápsulo-ligamentar lesionado.

PREVENÇÃO

Exercícios de fortalecimento muscular dos membros inferiores são muito importantes para minimizar a gravidade das lesões no joelho dos atletas de judô.

ESPECIALISTA

O judoca deve consultar um MÉDICO ORTOPEDISTA ESPECIALISTA EM JOELHO sempre que sentir algum desconforto ou dor nos seus joelhos.

WhatsApp
(41) 98824-3384