RADIOGRAFIA DO JOELHO

RX DO JOELHO

A radiografia simples do joelho, ou RX, é o exame mais simples e básico que podemos pedir para iniciar a avaliação da articulação. É um exame fácil de ser feito, está disponível em qualquer hospital ou clínica de fraturas, e é de baixo custo. No exame de RX o médico pode estudar o fêmur, a tíbia, a fíbula e a patela, que são as estruturas ósseas que fazem parte da articulação do joelho.

INDICAÇÕES

O RX de joelho é solicitado pelo médico para diagnosticar diversas patologias que podem comprometer a articulação. Na traumatologia o exame é fundamental para identificação de fraturas, subluxações e luxações. Na ortopedia é o exame inicial para análise da morfologia óssea, existência de deformidades, presença de tumores e mensuração do espaço articular, altura da patela e diversas linhas e ângulos que ajudam o especialista na obtenção de um diagnóstico.

PATOLOGIAS COMUNS

Artrose, fraturas, doença de Osgood-Schlatter, deformidades angulares dos membros inferiores, luxação da patela e tumores ósseos são as patologias rotineiramente diagnosticadas pela radiografia do joelho.

LIMITAÇÕES DO EXAME

O RX do joelho é um exame bastante útil na ortopedia, porém tem suas limitações. No exame de RX vemos apenas a parte óssea e todas as outras estruturas do joelho não podem ser analisadas com precisão. A tomografia computadorizada, a ressonância magnética e a cintilografia óssea são os outros exames de imagem que o médico ortopedista especialista em joelho pode solicitar para fazer o diagnóstico da articulação que está sendo estudada.

EXAME DE RX DO JOELHO

EXAME

O técnico em radiologia posiciona o joelho do paciente no equipamento de RX conforme as incidências das imagens que ele deseja obter, de acordo com a solicitação do médico requisitante. Nos equipamentos digitais a imagem é registrada imediatamente no computador. O técnico analisa a sua qualidade e, se satisfatória, encaminha o exame pronto para o médico radiologista confeccionar o laudo.

WhatsApp
(41) 98824-3384