COMPRESSA DE GELO NO JOELHO

COMPRESSA DE GELO NO JOELHO

Compressas de gelo aplicadas no joelho podem reduzir a dor e o inchaço. O resfriamento dos tecidos com gelo reduz o fluxo sanguíneo na área onde ele é aplicado. As compressas de gelo, além de diminuir a dor, ajudam a acelerar a cicatrização de um joelho lesionado ou recém-operado.

CRIOTERAPIA

Crioterapia, ou terapia pelo frio, é o termo médico para o tratamento que provoca o resfriamento dos tecidos corporais. No dia a dia esse resfriamento é mais comumente feito com sacos ou bolsas de gelo. O frio do gelo tem efeito analgésico e anti-inflamatório. A dor é reduzida pela inibição da liberação de substâncias inflamatórias. Compressas frias também evitam grandes inchaços, outra causa importante de dor.

ANALGESIA

A aplicação de compressas de gelo no joelho reduz a dor porque o sistema nervoso central é enganado. Os nervos responsáveis pela transmissão da dor são também responsáveis pela sensação térmica. Quando se coloca uma bolsa de gelo sobre o joelho dolorido os nervos deixam de informar o sistema nervoso central de que o local está dolorido e passam a informar que o local está resfriado. Ao invés de sentir dor no joelho o paciente passa a sentir frio.

FLUXO SANGUÍNEO

O resfriamento do joelho reduz o fluxo sanguíneo dentro dos vasos da região porque provoca vasoconstrição, evitando que os tecidos inchem e que as células lesionadas liberem substâncias inflamatórias. A permeabilidade das células é diminuída e o hematoma intra-tecidual é controlado pelo frio, limitando a extensão dos danos aos tecidos.

INDICAÇÕES

Compressas de gelo podem ser aplicadas no joelho como forma de tratamento para qualquer lesão ou doença que evolua com processo inflamatório. Contusões, entorses e doenças inflamatórias são as indicações mais comuns. O uso de gelo no joelho também é muito importante após cirurgias. A eficácia da crioterapia no joelho é maior quando o gelo é aplicado logo após uma lesão ou imediatamente após uma cirurgia. Antigamente havia a orientação de se usar compressas de gelo nas primeiras 24 horas e depois usar compressas quentes. Hoje o consenso é usar apenas compressas frias. O tempo de aplicação pode ser de até 30 minutos e as compressas podem ser repetidas várias vezes ao dia, respeitando-se um intervalo de 2 horas entre uma aplicação e outra. A pele deve ser protegida porque o gelo pode causar queimaduras. Uma toalha de rosto deve ser interposta entre a bolsa de gelo e a pele.

GELO NO JOELHO

OPÇÕES PARA APLICAÇÃO

A crioterapia no joelho pode ser aplicada de diferentes maneiras. Sacos com gelo, bolsas de gelo, sprays gelados, bolsas térmicas e cryo-cuffs são as formas mais comuns de resfriamento da articulação do joelho.

CUIDADOS

A crioterapia é um tratamento simples e efetivo quando usada corretamente. Não se deve aplicar gelo diretamente na pele ou em áreas anestesiadas para evitar queimaduras pelo frio ( geladura ).

PROTOCOLO PRICE

A crioterapia faz parte do protocolo PRICE usado no primeiro atendimento de um joelho lesionado. PRICE é o acrônimo, em inglês, das letras iniciais das palavras PROTECTION ( proteção ), RESTING ( repouso ), ICE ( gelo ), COMPRESSION ( compressão ) e ELEVATION ( elevação ).

WhatsApp
(41) 98824-3384
Cadastro
Agendamento